Blog

Granola: energia extra no café da manhã

26 de maio de 2016

Quando você acorda, seu corpo precisa de combustível para enfrentar o dia. Por isso, um café da manhã reforçado e com alimentos saudáveis é essencial para abastecer o organismo com nutrientes que tragam energia. Na escolha do cardápio, além de frutas, iogurtes e do tradicional pãozinho, as granolas reinam absolutas na mesa de quem busca uma alimentação completa para começar bem o dia.

O mercado oferece uma infinidade de opções e marcas, mas a constituição básica da granola está na mistura de cereais (aveia, farelo de trigo, gérmen de trigo, floco de arroz e floco de milho) com frutas secas, castanhas, nozes e podem conter mel ou açúcar mascavo.

A composição nutricional e os benefícios da granola variam de acordo com os ingredientes, mas em geral, trata-se de um alimento rico em fibras que ajuda a regular o intestino e oferece energia extra para quem consome.

Além das fórmulas tradicionais, existem opções com ingredientes mais funcionais para o organismo como as granolas sem glúten da marca Vitalin que são enriquecidas com grãos nobres como linhaça, chia, quinoa e gergelim.

A versão de granola com quinoa e castanhas da Vitalin, por exemplo, ganha pontos a mais: além de ser elaborada com cereais integrais e quinoa – um cereal rico em proteínas de excelente qualidade -, ela não contém aromas ou conservantes químicos.

Outra opção da Vitalin é a granola sem glúten com chia e banana. Saborosa e com pedaços de banana passa, a granola contém sementes de chia, uma oleaginosa rica em ômega 3 e fonte de fibras que proporcionam uma sensação de saciedade.

“Estas granolas contém nutrientes e minerais importantes para a saúde como ferro, manganês, magnésio, fósforo e podem ser consumidas por celíacos e adeptos de uma alimentação saudável”, explica a engenheira de alimentos da marca, Flávia Passos.


Compartilhe este post

5 cereais para manter corpo e mente em forma

31 de março de 2016

No Dia Nacional da Saúde e Nutrição, a Vitalin selecionou 5 cereais que, consumidos com regularidade, ajudam a manter o corpo e a mente em forma. Afinal, ter uma boa alimentação não é simplesmente matar a fome, não é? Fazer exercícios físicos e comer alimentos ricos em vitaminas, fibras, minerais e nutrientes é essencial para uma vida saudável.

Consumidos in natura ou misturados em receitas de doces e salgados, estes superalimentos podem ser facilmente encontrados em empórios e supermercados. Conheça seus benefícios e inclua hoje mesmo no seu cardápio:

Aveia – Fonte de fibras que auxilia no funcionamento intestinal

O mais popular dos cereais é também o mais rico em fibras. Ela melhora o funcionamento intestinal, facilita a digestão e o controle da pressão arterial, ajuda na diminuição do colesterol ruim e no controle da quantidade de açúcar no sangue. Fonte de minerais como cálcio e ferro, a aveia também possui muitas proteínas e vitaminas do complexo B e E.

Encontrada na forma de flocos, farelo ou farinha, pode ser consumida a qualquer hora do dia, podendo ser polvilhada por cima das frutas, iogurtes, sucos, vitaminas, saladas ou adicionadas em diversas receitas.

Amaranto – O maior aliado na redução do colesterol

O amaranto é um cereal de origem andina com uma composição especial de proteínas que o tornam o maior aliado na redução do colesterol. Para pessoas com intolerância à lactose, o amaranto é uma importante fonte de cálcio, além de possuir fibras e outros minerais como magnésio, ferro, zinco e cobre.

A farinha de amaranto pode ser adicionada em receitas doces e salgadas, sem alterar significativamente o sabor das massas.  Já os flocos podem ser adicionados diretamente em vitaminas, mingaus, shakes, granolas, iogurtes, salpicado sobre a salada de frutas ou sorvete e também em preparações salgadas como sopas, peixes e farofas.

Chia – Deliciosa Textura e Sensação de Saciedade

A chia é uma semente consumida há gerações pelos povos nativos do México. Sua grande quantidade de minerais, fibras e vitaminas faz com que ela se torne uma riquíssima combinação de nutrientes. Conhecida como uma das maiores fontes vegetais de ômega 3, a chia auxilia na redução do colesterol, controle da glicemia e no combate ao envelhecimento precoce.

A farinha ou grãos de chia podem ser adicionados a iogurtes, vitaminas, tortas, sucos, entre outras preparações. Ao ingerir uma quantidade de chia, ela se expandirá formando um gel no organismo, capaz de provocar sensação de saciedade.

Linhaça – Proteção da saúde cardiovascular e cerebral

Encontrada na forma de sementes, farinha ou em óleo, a linhaça é rica em ômega 3 e 6, fibras, proteínas e vitaminas. O consumo diário deste grão ajuda a reduzir o colesterol ruim, a prevenir doenças do coração, ameniza os sintomas da TPM e da menopausa, ajuda a emagrecer, melhora a circulação do sangue e auxilia no bom funcionamento dos rins, intestino e do sistema imunológico.

Quinoa –  Saúde em todas as fases da vida

Em relação aos outros tipos de cereais, a quinoa é considerada a mais rica fonte de proteínas, vitaminas, minerais e aminoácidos, formando uma completa fonte nutritiva, com propriedades que se assemelham ao leite materno.

Comer este grão auxilia no desenvolvimento da inteligência e da memória e no bom funcionamento do sistema nervoso. Além disso, suas fibras dão a sensação de saciedade, podendo favorecer o emagrecimento.

Existem três cores de quinoa: branca, vermelha e negra. Suas propriedades e benefícios, porém, são praticamente os mesmos. Este cereal é encontrado na forma de grãos, flocos e farinha e pode ser adicionado a diversas receitas. Para consumir o grão é necessário um prévio cozimento.


Compartilhe este post