Blog

Dica de Receita: Bolo de caneca arrepiante

31 de outubro de 2017

Não é preciso ser um chef de cozinha para transformar pratos simples em receitas de Halloween. Veja nossa dica para deixar o dia mais arrepiante!!!

Bolo de caneca arrepiante

Modo de preparo:

– Adicione 50mL de água (aprox. 7 colheres de sopa) em uma caneca com capacidade para 200mL e que possa ser utilizada no micro-ondas.

– Adicione o conteúdo de um sachê Mistura para Bolo de Caneca Brigadeiro que Lambuza Integral Vitalin Sem Glúten e mexa até obter uma massa homogênea.

– Leve a caneca ao micro-ondas, na potência alta por 50*segundos.

– Depois de pronto, decore o topo do bolo com chantili laranja e de um toque final com um chapeuzinho de bruxa feito com pasta americana.

– Consuma ainda quente na caneca ou desenforme em um prato.

*Tempo recomendado para preparo em micro-ondas com potência de 1.550w.

O tempo de preparo poderá variar conforme potência do micro-ondas.

 


Compartilhe este post

Vitalin incentiva a solidariedade com arrecadação de alimentos e brinquedos

20 de outubro de 2017

Guiada pela crença em um mundo solidário, a Vitalin desenvolveu, este ano, a primeira edição da campanha “Saudável como se sentir solidário”. Nela, colaboradores e fornecedores da empresa foram incentivados a se unirem à causa, arrecadando alimentos não perecíveis para entidades sociais de Jaraguá do Sul e região.

No total, 115 quilos de alimentos foram arrecadados e doados à Pastoral da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, de Jaraguá do Sul. Além dos alimentos, a Vitalin fez a doação de mais de 400 quilos de biscoitos sem glúten produzidos pela empresa.

Além da paróquia, outras nove entidades foram beneficiadas: as APAES (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Jaraguá do Sul, Pomerode e Guaramirim; a Casa de Apoio Padre Aloísio Boeing; o SOL – Grupo de Solidariedade; a Associação Hospitalar Jaraguaense, e a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Jaraguá do Sul.

Segundo a coordenadora de marketing da Vitalin, Sibele Almeida, a ideia é incentivar a solidariedade através do ato de doar. “Todos ajudaram e isso nos motiva a seguir em frente e expandir o projeto para os próximos anos”, comemorou.

Brinquedoando arrecadou 251 brinquedos infantis

Além da arrecadação de alimentos, a Vitalin também realizou, em setembro, a quarta edição da campanha “Brinquedoando”. Os brinquedos arrecadados entre os colaboradores foram distribuídos no dia 11 de outubro, para as crianças de três creches municipais de Jaraguá do Sul.

No total, foram distribuídos 251 itens entre carrinhos, bonecas e jogos lúdicos. “Mesmo os colaboradores que não têm filhos compraram brinquedos para contribuir com a causa e ajudar a tornar o Dia das Crianças mais feliz”, explicou Sibele.


Compartilhe este post

Vitalin comemora 17 anos com doação de produtos para entidades sociais de Jaraguá do Sul e região

8 de setembro de 2017

Jaraguá do Sul (SC) – Inaugurada no ano 2.000, em Jaraguá do Sul, a Vitalin Sem Glúten é uma das maiores empresas brasileiras do segmento de alimentos orgânicos e integrais, sem glúten. Nascida do sonho de um jovem empresário da cidade, Rogério Manske, a empresa completa nesta sexta-feira (dia 8), 17 anos de atuação, mantendo o compromisso de levar saúde e bem-estar para a mesa dos brasileiros.

Para comemorar a data, a empresa realiza ações internas entre os funcionários e a doação de 1 tonelada de biscoitos sem glúten para 10 entidades sociais que atuam no município e região. A entrega acontece na próxima semana, na fábrica da Vitalin, localizada na rua Helmuth Manske, no bairro Três Rios do Norte.

“Temos orgulho de levar o nome de Jaraguá do Sul para todo o Brasil por meio de nossos produtos. Essa é a nossa forma de comemorar e de agradecer a cidade e todos que tem nos apoiado nestes 17 anos de história”, comenta Rogério Manske, presidente da empresa.

Marca jaraguaense é a primeira Gluten-Free brasileira

Famosa pela qualidade e sabor dos seus produtos, a Vitalin também é reconhecida como a primeira empresa brasileira do segmento de alimentos saudáveis a receber o selo internacional Gluten-Free (GF), a principal certificação do mercado mundial sem glúten.

Reconhecido em 27 países, o selo GF está estampado em todas as embalagens da Vitalin para indicar ao consumidor que o produto é produzido com ingredientes livres de glúten e sem risco de contaminação cruzada.

Vitalin lançou 15 produtos no último ano

Com 40 colaboradores e representantes comerciais em todo o país, a Vitalin Sem Glúten produz mais de 600 toneladas de alimentos por ano e tem planos de crescimento. Por isso, tem investido forte em pesquisa e desenvolvimento de produtos.

Nos últimos 12 meses, por exemplo, a Vitalin lançou 15 novidades no mercado como snacks e cookies integrais, aveias com frutas desidratadas, além de misturas integrais para bolo e bolo de caneca instantâneo. Todos os produtos mantém as características de serem sem glúten, sem lactose e sem conservantes ou aromatizantes artificiais.

Em junho, a empresa inovou com o lançamento de um produto inédito no Brasil: a Mistura 5 em 1 para o preparo de massas integrais. O produto permite fazer cinco diferentes massas integrais, com texturas e sabores variados.

“Acreditamos que tudo começa por uma vida mais saudável, por isso estamos sempre investindo no desenvolvimento de produtos com alto padrão de qualidade e nutrição”, comenta Rogério.


Compartilhe este post

Fibra de maracujá: O azedinho que ajuda a emagrecer.

14 de junho de 2017

O maracujá é um dos frutos mais conhecidos das regiões tropicais. Com um típico sabor azedo, a fruta é famosa pela propriedade calmante e ação antioxidante promovida no organismo. Além da polpa, o consumo da casca desidratada da fruta também traz benefícios à saúde e tem conquistado espaço nas dietas, principalmente para perda de peso e controle do colesterol.

A fibra do maracujá – extraída da casca da fruta – é rica em pectina, um tipo de fibra que arrasta as gorduras para fora do organismo, auxiliando no processo de emagrecimento. Esta substância, em contato com o estômago, transforma-se num gel não digerível que provoca a sensação de saciedade, reduzindo a vontade de comer mais. Isso também acontece porque ela retarda a entrada de glicose no sangue, o que também inibe o apetite.

Uma colher de farinha de maracujá uma hora antes de cada refeição já é suficiente para ajudar a controlar o apetite e reduzir a quantidade de alimentos consumidos na próxima refeição.

Outro benefício da fibra do maracujá é seu grande efeito desintoxicante. Se consumida todos os dias, ela ajuda a eliminar as toxinas que se acumulam no organismo prejudicando o funcionamento dos órgãos. Para alcançar o efeito desejado, o consumo da farinha deve ser diário. Por isso, varie o modo de acrescentá-la no cardápio. Pode ser no suco, no iogurte, na salada, na sopa.


Compartilhe este post

E agora? Como comprovar que este produto é 100% sem glúten?

24 de maio de 2017

Quem sofre de doença celíaca já sabe: não basta evitar o consumo de alimentos que contenham glúten, é preciso atenção redobrada sobre aqueles que possam sofrer qualquer tipo de contaminação cruzada.

Pode parecer exagero, mas os danos provocados pela doença celíaca ocorrem até mesmo em quantidades microscópicos do glúten (menos de 20ppm ou partes por milhão). Por isso, os rótulos e embalagens dos alimentos são uma importante fonte de informação.

Apesar de a lei brasileira obrigar as empresas a informarem na embalagem a presença ou não de glúten nos alimentos, quem é celíaco nem sempre se sente seguro. Para esclarecer as dúvidas, uma saída adotada é questionar diretamente as empresas e fabricantes sobre a linha de produção de determinado produto.

“Algumas empresas fazem uma testagem mais detalhada para garantir isenção e disponibilizam estes testes para o consumidor. Mas, no mundo todo, são os selos de certificação que deixam o celíaco seguro”, explica Ester Benatti, Secretaria Executiva da Fenacelbra (Federação Nacional das Associações de Celíacos do Brasil).

Ao contrário de países como Estados Unidos, Espanha e Argentina, o Brasil não possui um órgão certificador que ateste os produtos livres de glúten e do risco de contaminação cruzada. Por isso, uma estratégia adotada pelas empresas brasileiras é buscar lá fora, a certificação para os produtos que comercializam no Brasil.

A Vitalin Sem Glúten, por exemplo, foi a primeira empresa de capital nacional a ser certificada com o selo internacional Gluten-Free (GF), a principal certificação do mercado de alimentos sem glúten do mundo, reconhecido em 27 países.

Para ser certificado pela Gluten-Free Certification Organization (GFCO), a empresa precisou passar por auditorias em toda a cadeia produtiva e cumprir uma série de requisitos de qualidade a fim de garantir a segurança total dos produtos.

“O consumidor, principalmente o celíaco, precisa ter segurança no que está consumindo. Não se trata apenas de uma questão de qualidade do produto, mas de cuidado com a saúde do consumidor”, explica Rogério Manske, diretor presidente da Vitalin.

As aveias comercializadas pela Vitalin, por exemplo, vem de fazendas certificadas onde o plantio, colheita, transporte e moagem são rigidamente controlados, excluindo a possibilidade de contaminação cruzada.

Presente em todo os estados brasileiros, a Vitalin conta com uma ampla linha de produtos orgânicos e integrais sem glúten como granolas, aveias com frutas desidratadas, cookies integrais, snacks salgados, chia, quinoa, amaranto, linhaça, gergelim e açúcar mascavo.


Compartilhe este post