Blog

6 dicas para substituir os ovos em uma receita

17 de dezembro de 2016

Não dá para pensar em fazer um bolo, pão ou doce sem usar ovos na receita. Verdade? Não. Apesar de o ovo ser o ingrediente mais usado para dar liga na massa, emulsificar ou, até mesmo, fazê-la crescer, existem muitas maneiras de substituí-lo e ainda garantir receitas gostosas e muito saudáveis. Se você é vegetariano, vegano ou intolerante à proteína do ovo, veja estas 6 dicas da Vitalin para substituir o ovo e bona petit!

Linhaça

A linhaça hidratada fica com uma consistência semelhante a da clara de ovo e dá uma liga ótima. Para quem não gosta da semente, pode utilizar a farinha ou triturá-la, que tem o mesmo efeito. A substituição é bastante simples: junte 1 colher de sopa de sementes de linhaça moídas com 3 colheres de sopa de água. Além de substituir o ovo, a linhaça é uma excelente adição de ômega 3 à sua receita. Saiba mais sobre os benefícios da linhaça. (link: Linhaça: alimento completo para manter a saúde em dia)

Chia

Conhecida como uma das maiores fontes vegetais de ômega 3, a chia pode ser adicionada em várias receitas. A dica é misturar uma colher de sopa de sementes de chia com 1/3 de copo de água para substituir um ovo. Deixe a mistura repousar durante 15 minutos e ela apresentará uma consistência espessa, similar à de um gel.

Banana ou Maçã

Uma das principais funções do ovo na receita é dar liga na massa. Neste caso, o purê de banana ou de maça costumam ser ótimos substitutos, principalmente em receitas doces, como cookies, pães e bolos. Lembre-se, porém, que o sabor da fruta costuma ficar na massa. Nesta opção, ½ banana madura amassada ou ¼ de copo de purê de maça substituem 1 ovo.

Ágar-Ágar

Para substituir a clara do ovo ou o ovo inteiro, use ágar-ágar. Bata bem 1 colher de sopa de ágar-ágar dissolvida em 1 colher de sopa de água. Deixe descansar na geladeira por 15 minutos e bata novamente antes de adicionar à receita. Duas colheres de sopa da mistura são equivalentes a 1 clara de ovo.

Manteiga de amendoim

A manteiga de amendoim (sem ser adoçada) também é um ótimo substituto do ovo. A proporção é de 3 colheres de sopa de manteiga para cada ovo.


Compartilhe este post

Pesquisa da Unicamp revela poder da chia na prevenção do câncer e do mal de Alzheimer

Pesquisadores recomendam uso regular da semente ou do óleo na comida. (Foto: Reprodução EPTV)

Há mais de 2 mil anos, a chia já era consumida pelos povos nativos da América Central. Hoje, ela é facilmente encontrada em empórios e supermercados e faz parte da dieta de quem procura uma alimentação saudável e rica em nutrientes.

Isso porque a chia é reconhecida mundialmente pela sua grande quantidade de minerais, fibras e vitaminas e por ser uma das maiores fontes vegetais de ômega 3, um ácido graxo essencial que nosso corpo não tem a capacidade de produzir.

Esta semana, um estudo do Departamento de Alimentos e Nutrição da Unicamp, em Campinas (SP), revelou que, além das propriedades nutritivas, o consumo da semente ou do óleo da chia pode ajudar na prevenção de vários tipos de doenças, entre elas o câncer e o mal de Alzheimer.

Segundo os pesquisadores, a chia possui um poder antioxidante que previne o envelhecimento precoce das células e ajuda a reduzir a quantidade de açúcar no sangue. “Nós verificamos que tanto com o consumo da semente quanto com o óleo de chia, mostrou um efeito anti-inflamatório, reduziu os níveis de colesterol em torno de 30% a 40% e também aumentou a concentração de ômega 3 nos animais”, explica a pesquisadora Rafaela Marineli sobre os resultados obtidos com o experimento.

A pesquisa para descobrir os efeitos da chia no organismo começou há quatro anos e foi divulgada esta semana pela Unicamp.


Compartilhe este post

Celíacos, diabéticos, veganos e pessoas com restrição alimentar podem contar com a ajuda do Gofind.Online

8 de dezembro de 2016

Uma das maiores dificuldades para quem precisa fazer dietas restritivas é conseguir encontrar os alimentos adequados às suas restrições. Pensando nisso, dois jovens de Joinville, Santa Catarina, criaram o aplicativo Gofind.Online. O serviço mobile mostra ao consumidor onde encontrar o produto que deseja na loja mais próxima.

O funcionamento é simples. Após baixar o app, basta colocar o nome do produto, que o aplicativo mostra todas as opções, com informações sobre peso, marca, nome da loja, a disponibilidade do estoque, distância, horário de atendimento, telefone e ainda opções de rota para chegar até o local.

A Vitalin é uma das primeiras empresas a conectar sua rede de distribuição com a Gofind.Online. Assim, todo o portfólio da empresa pode ser facilmente encontrado nas lojas cadastradas.

“O Gofind.Online funciona como o mapa do Google, só que não aponta apenas as lojas, ele consegue pesquisar no estoque dos estabelecimentos”, explica o CEO da Gofind.Online, Fernando Farias.

O aplicativo está disponível gratuitamente para Android aqui e iOS aqui, e já conta com 15 mil produtos cadastrados e 45 mil lojas conectadas nas principais cidades do país.


Compartilhe este post